Rádio Cidade

General informa morte de 76 pessoas em acidente com avião da Chapecoense

O avião que levava a equipe da Chapecoense para Medellín, na Colômbia, caiu na madrugada de hoje e matou 76 pessoas. Os registros mostram que 72 passageiros e nove tripulantes estavam a bordo da aeronave da empresa Lamia. Entre eles, a equipe do clube, entre atletas e comissão técnica. O presidente da Federação Catarinense de Futebol e vice-presidente da CBF, Delfim de Pádua Peixoto, também fazia a viagem. Além deles, 22 jornalistas do Fox Sports, da RBS, da TV Globo e de rádios AM e FM estavam a bordo.

Apenas sete pessoas foram resgatadas, mas duas morreram a caminho de hospital e após receber atendimento.. Entre os cinco sobreviventes, estão o goleiro reserva Jackson Follmann, o lateral esquerdo Alan Ruschel, o zagueiro Neto e o jornalista Rafael Henzel. Uma aeromoça também teria sobrevivido.

O jogador Filipe Machado, da Chapecoense, gravou um vídeo antes da decolagem de aeroporto do Brasil, onde eles começariam a viagem para a Colômbia. 'Vai começar a viagem', dizem os atletas, ansiosos para a primeira partida da final da Sul-Americana, que iria acontecer nesta quarta-feira. Eles ainda mudariam de aeronave antes de queda nas proximidades de Medellín. Veja as imagens que circulam em redes sociais: