Rádio Cidade

Semana Cultural em Sumé começa dia 11 de Novembro

Com o espírito de renovação e saboreando os frutos de sua própria semente, o coletivo Calangos Livres anuncia a todos a realização de mais uma edição do seCas! Entre os dias 11 e 15 de novembro, com a temática Frutificando novos horizontes e fazendo uma homenagem a Anchieta Barros, teremos a 9° seCas 2015 – Semana de Cultura e Arte de Sumé. O evento busca promover um diálogo com as diferentes formas de manifestações culturais e artísticas do nosso município com os de outras localidades, integrando em um só espaço agentes, admiradores, produtores e artistas.

O evento é totalmente gratuito, e envolve diversos segmentos culturais: artes visuais, música, teatro, dança, circo, cinema, oficinas de arte-educação e ecoturismo. Tais ações consistem em exposições, mostras, apresentações, shows, rodas de debate e formação.

Nesta edição a programaçãodo festival contará com algumas novidades como o grupo pessoense Seu Pereira e Coletivo 401 que irá trazer para Sumé o seu Samba Rock nervoso; o Reisado de Zabelê; as bandas PedeCoco, Macumbia e Varal de Cabaré;  ogrupo recifense Coco dos Pretos e o repentista sumeense Evaldo Severino com seu repente de Parede, entre outras atrações musicais, além de exibições de filmes paraibanos na zona rural e urbana, exposições, apresentações de teatro, circo e dança na rua e no NEXT, o 3º ano do bloco “Bote o seu calango na rua” com grupo de percussão MaracaGrande, e o Passeio ecológico “Crepúsculo do Calango”.

A seCas também tem por objetivo promover a descentralização das ações culturais, dessa forma, as atividades irão acontecer na Zona Urbana (Centro e bairros) e Rural do município.   A maior parte das apresentações teatrais, circense, dança e o Palco Musical seCas serão na Praça José Américo e no Next (Núcleo de Extensão da UFCG) com exceção da concentração do bloco no domingo (15/11) que será no Colégio E. Prof. José Gonçalves de Queiroz e do Passeio Crepúsculo do Calango que será na Serra dos Tanques, em Sumé.

Também serão realizadas oficinas de Coco de Roda e Grafitti, as inscrições deverão ser feitas através do e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., deixando o nome completo, RG e contato disponíveis. Presencialmente, procurar Danilo Farias.

Tendo em vista que muitas pessoas de outras cidades virão aproveitar o evento, a comissão organizadora irá disponibilizar um espaço para alojamento (campping) da quarta-feira 11/11, ao domingo 15/11 no Colégio E. Prof. José Gonçalves de Queiroz, localizado atrás da igreja matriz nossa senhora da Conceição. Para isso, o interessado deverá entrar em contato com a organização através do e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., deixar seus dados completos e pagar um valor de 5,00R$ por dia.

A 9° seCas 2015 está sendo patrocinada pelo Fundo de incentivo a cultura FIC Augusto dos Anjos, e tem a Prefeitura Municipal de Sumé, Universidade Federal de Campina Grande (UFCG/CDSA), e a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e Cariri Web como seus principais parceiros.

A 9ª seCas 2015 tem a realização dos Calangos Livres: Allan Barros, Artur Nunes, Augusto Júnior, Debora Helloysa, Emanuelle Carvalho, Gustavo Costa, Luan Lucena, Luana Gregório, Milena Jordanna, Joice Mirelle, Danilo Farias, Felipe Jessé, Hugo Ézio, Maryane Paulino, Crisóstomo Trajano, Marco Silva, Ubiratan Augusto, Lucas Raphael, Gabriel Simões e Jéssica Gomes, além de muitos amigos que virão à Sumé somar e fortalecer a rede de articuladores culturais paraibanos.

Dessa forma, os Calangos Livres convidam a toda comunidade sumeense, Caririzeira e Paraibana á prestigiar o festival de artes 9ª SeCas 2015, que vêm com o objetivo de frutificar novos horizontes e fortalecer a rede de articuladores e produtores culturais no Cariri Paraibano.

Para mais informações, contatar a comissão através de www.facebook.com/festivalsecas,Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.http://festivalsecas.wix.com/nove ou pelos telefones (83) 8846-5342, (83) 9918-8018 e/ou (83) 9650- 3262.

 

PROGRAMAÇÃO COMPLETA DA 9ª seCas- 2015:

 

11 / 11(Quarta-feira)

Cinema

Local: Nove Casas, Zona Rural

Horário: 18hrs

Classificação indicativa: Livre

– Mergulho no coco: O documentário narra histórias que envolvem a musicalidade e os passos de coco de roda da cidade de Queimadas – PB.

 

Cultura Popular

Local: Praça José Américo

Horário: 18hrs

Classificação indicativa: Livre

-Reisado de Zabelê: A apresentação do grupo é composta de diversas modalidades cênicas e repercute de várias peças: entrada, louvação ao Divino, apresentação do Rei e da Rainha, apresentação de personagens e cânticos de despedida.

 

Artes Visuais

Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 18hrs

Classificação indicativa: Livre

– Exposição Dividuus, da artista Thaynara Negreiros: o projeto discute como a apropriação de um raio-Xconvencional pode partir para uma prática artística e gerar um discurso estético.

 

Literatura

Local: Ao lado do Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 19hrs

Classificação indicativa: Livre

– Poetizando a rotina: Sarau Poético com a poetisa triunfense Mariane Alves.

 

Teatro

Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 20hrs

– Açougueiro – Recife, PE

Classificação indicativa: 16 anos

O autor se desdobra em um monólogo para em sete personagens narrar, entre aboios e toadas, uma história de paixão e intolerância que pode se passar em qualquer lugar onde a dor e o preconceito sejam prato principal das relações.

 

Música

Local: Ao lado do Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 21hrs

– Os Caretas

Meia de US

 

12/11 (Quinta-feira)

Artes Visuais

Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 8hrs e 14hrs

Classificação indicativa: Livre

– Exposição Dividuus, da artista ThaynaraNegreiros

Oficina

Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: Das 9hrs às 12hrs e das 14hrs às 17hrs

Oficina: Paredes Arte Zona – Grafitti (Projeto desenvolvido pelo artista plástico e grafiteiro Luiz Ricardo Sales, criado para desenvolver trabalhos artísticos com vocação educacional).

 

Artes Visuais

Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 18hrs

Classificação indicativa: Livre

Exposição coletiva dos artistas Joheel Rodriguez e Thaynara Negreiros

 

Cinema

Local:Centro da cidade

Horário: 18hrs

Classificação indicativa: Livre

– Mergulho no coco: O documentário narra histórias que envolvem a musicalidade e os passos de coco de roda da cidade de Queimadas – PB.

Circo

Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 19h30

Classificação indicativa: Livre

– Contrastes de Clown (O espetáculo do artista circense Erickson Canuto trata das polaridades cômicas e dramáticas do clown, através da construção de cenas que investigam o palhaço Sony, relatando o interno e externo da vida de um palhaço).

 

Cultura Popular

Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 20:30hrs

Classificação indicativa: Livre

-Histórias de Mamulengo– “O Nascimento de Cassimiro Coco”. (A família Mambembe Los Iranzigarante a alegria do povo numa manifestação popular reconhecida pelo IPHAM como Patrimônio histórico Imaterial da Cultura Brasileira.)

 

Música

Local: Palco SeCas

Horário: 21hrs

– Pobres e Troianos

– PedeCoco: Manifesto do Pensar

13/11 (Sexta-feira)

Artes Visuais

Local: Praça José Américo

Horário: 8hrs

Classificação indicativa: Livre

Exposição: Revoada- pássaros de aquarela, do artista JohhelRodriguez,que retrata nos seus desenhos e pinturas á lápis aquarela sobre papel vegetal, os pássaros do cariri nordestino. Destina a divulgação, preservação, conhecimento e libertação animal.

 

Oficina

Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: Das 9hrs às 12hrs e das 14hrs às 17hrs

– Oficina Cocos da Paraíba: dança e musicalidade de seu povo. A oficina propõe uma viagem pela história do coco, posteriormente será demonstrado e ensinando ao público as diferentes formas de se dançar coco no estado.

Ministrantes: Williams Cabral e Amanda Santos

 

Artes Visuais

Local: Praça José Américo

Horário: 14hrs

Classificação indicativa: Livre

Exposição: Revoada – pássaros de aquarela, do artista JohhelRodriguez,que retrata nos seus desenhos e pinturas á lápis aquarela sobre papel vegetal, os pássaros do cariri nordestino. Destina a divulgação, preservação, conhecimento e libertação animal.

 

Artes Visuais

Local: Praça José Américo

Horário: 18hrs

Classificação indicativa: Livre

Exposição coletiva dos artistas Joheel Rodriguez e Jarrier Alves.

 

Cinema

Local: Alto do Jorge

Horário: 18hrs

Classificação indicativa: Livre

– Sem Terrinha: O documentário conta a história das crianças que vivem no assentamento Oziel Rodrigues.

Cultura Popular

Local: PIO X, Zona Rural

Horário: 20h30

Classificação indicativa: Livre

– Histórias de Mamulengo: “O Nascimento de Cassimiro Coco” com a família Mambembe Los Iranzi.

 

Dança

Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 19hrs

Classificação indicativa: Livre

Let’sGo: Grupo campinense de danças urbanas.

 

Teatro

Local: Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 20hrs

Classificação indicativa: Livre

– Finados: A peça conta de forma bem humorada, uma história que aconteceu dentro de um cemitério em pleno dia dos finados.

 

Música

Local: Palco seCas

Horário: A partir das 21hrs

– Incessante

– Seu Pereira e Coletivo 401

– OverlouD

14/11 (sábado)

Artes Visuais

Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 8hrs, 14hrs e 18hrs

Classificação indicativa: Livre

Exposição Sons, do artista Jarrier Alves, que apresenta uma leitura imagética do universo musical, sendo um convite à observação da beleza da relação do músico e seu instrumento.

 

Passeio Crepúsculo do Calango

Local: Serra de Sumé

Horário: 15h30

 

Teatro

Locas: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 19h30

Classificação indicativa: 16

– Smarandescu:Peça teatral centrada em uma relação homossexual, que aborda de forma sensível e profunda o término da relação de Matias e Luigi que foram namorados no passado e, agora, se reencontraram.

 

Cinema

Local: Bairro Várzea Redonda

Horário: 18hrs

Classificação indicativa: Livre

– Sem Terrinha: O documentário conta a história das crianças que vivem no assentamento Oziel Rodrigues.

 

Dança

Local: Praça José Américo

Horário: 20h30

Classificação indicativa: Livre

Apresentação Raízes da nossa terra, com o grupo sumeense Filhos da Dança.

 

Literatura

Local: Praça José Américo

Horário: 21hrs

Classificação indicativa: Livre

– Sarau Eu sou neguinha: nasce da necessidade de trabalhar o negro, sua dor,sua construção enquanto sujeito, sua fé e sua cultura. Apresenta textos poéticos e fragmentos de obras narrativas,em conjunto com a música, que refletem a busca por tais elementos. Enfoca o negro que luta, que mostra a cara e se coloca enquanto sujeito participante – e protagonista – de sua (de nossa) história.

 

Música

Local: Palco seCas

Horário: 22hrs

– Pife Perfumado

– Macumbia

– Varal de Cabaré

15/11 (Domingo)

Música

Local: Concentração do Cortejo em frente à Escola Estadual Prof. José Gonçalves de Queiroz

Horário: 15hrs

– MaracaGrande

 

Teatro

Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 19hrs

Classificação indicativa: Livre

Teatro infantil

– FLICTS (O espetáculo conta a história de uma cor que foi do interior de Pernambuco, mais precisamente da pequena cidade de Taquaritinga, para tentar a vida no Recife. Na sua busca por reconhecimento na cidade grande, conhece todas as outras cores e a partir de então inicia uma grande aventura.)

 

Dança

Local: Núcleo de Extensão Cultural da UFCG (NEXT)

Horário: 20hrs

Classificação indicativa: Livre

– Recortes de uma existência (O espetáculo da Companhia de Projeções Folclóricas Raízes aglutina elementos da cultura nordestina, representando no palco expressivas manifestações tradicionais e personagens representantes da nossa identidade cultural. Estão presentes Expressões Populares como o Xaxado, o Bumba meu boi, a Ciranda, o Coco, o Baião, o Xote, a Caninha Verde, entre outras.)

Cultura Popular e Música

Local: Palco seCas

Horário: 21hrs

– Evaldo Severino

– Coco dos Pretos
Com Ascom