Oficial de cartório é acusado de matar a namorada em SC

oficial de cartório Paulo Odilon Xisto Filho, de 36 anos, é acusado de matar a namorada, a modelo gaúcha Isadora Viana Costa, de 22 anos. Ele foi acusado de homicídio qualificado e responde ao processo em liberdade.

Segundo destaca o G1, o crime foi cometido no dia 8 de maio, no apartamento dele, em Imbituba, no Sul de Santa Catarina.

Paulo é acusado pelo Ministério Público de Santa Catarina de ter imobilizado a namorada após uma discussão. Ele teria dado vários golpes no abdômen da vítima e provocado a morte.

Um lado de Instituto Geral de Perícias (IGP) apontou que a morte foi causada por trauma abdominal que, segundo a Polícia Civil, só poderia ser produzido a partir da ação de alguém. No entanto, o advogado de Paulo, Bruno Seligman de Menezes, contesta e diz que as circunstâncias da morte ainda não estão completamente esclarecidas.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.