Presidente da Aesa diz que é “preciso manter o rio Paraíba perenizado” e lamenta suspensão da transposição

O presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), João Fernandes, afirmou em entrevista a rádio Panorâmica FM, que é preciso manter o rio Paraíba perenizado.

João Fernandes também lamentou a suspensão do bombeamento de água da Transposição por conta da conclusão de obras complementares dos açudes de Camalaú e Poções.

“Nós gostaríamos que as obras foram feitas depois do inverno, mas nós respeitamos a decisão do Dnocs e esperamos que seja realizado no menor tempo possível, porque precisamos manter o rio Paraíba perenizado”, afirmou ele.

Para ele, é necessário manter o rio com água para atender à agricultura de subsistência e o abastecimento das cidades do Cariri.

Com PBAgora

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.